Reveja seus objetivos e aprenda a planejar os próximos 5 anos

Onde você planeja estar daqui a 5 anos? Talvez  um  whorkaholic da Avenida Paulista ( ou na Doca, Duque, Braz..), vivendo na correria prazerosa da vida empresarial, ou  como um bem-sucedido empreendedor  com milhão na conta? Se você está lendo este artigo, aposto que a segunda opção fez seus olhos brilharem.

Enquanto estratégias “gourmet” vem e vão, nada substitui o clássico ajuste de metas. Hoje vamos falar sobre as táticas de raiz, táticas malemolentes, táticas true para impulsionar seu negócio.

Atinja seus objetivos DIARIAMENTE

Ajustar seus objetivos te permite enxergar o sucesso de forma mais simples e prática. Como um bom empreendedor que se preze, sonhar alto faz parte da sua programação pessoal, não é? A grande diferença entre sonhadores e fazedores, é que fazedores levantam da cama.

Como diria Jack Canfield neste livro aqui“Às vezes nossos maiores objetivos de vida parecem tão esmagadores, que nós raramente o vemos como uma série de pequenas tarefas, realizáveis”, que finaliza de forma bem interessante com “Mas, na realidade, quebrando um grande objetivo em tarefas menores realizá-los um de cada vez é exatamente como qualquer objetivo grande fica alcançável”.

James Clear, cientista especialista em comportamento, chama esses objetivos menores de “sistemas”. “Se você é um treinador”, diz ele, “seu objetivo é vencer um campeonato”. Seu sistema é o que seu time faz todos os dias para atingir o objetivo. Se você é um empreendedor, seu objetivo é construir um negócio de milhões de reais, e seu sistema é o seu processo de vendas e marketing.

Clear encontrou seu sucesso se concentrando no sistema enquanto mantém seus objetivos maiores em mente.

Avalie seus objetivos regularmente

O estabelecimento de objetivos é um processo de descoberta e uma maneira de finalizar o trabalho de forma organizada. Quando você monitorar seus objetivos, pergunte-se: Será que isso realmente importa?

“Ser um líder significa encontrar o caminho”, explica o autor Kevin Hall, em seu livro, Aspire: Descobrindo o seu propósito através do poder das palavras. “Mas antes que você possa ajudar alguém a encontrar o seu caminho, você deve saber o seu.”

Ao avaliar seus objetivos regularmente, você fica mais seguro de que está dando atenção ao que realmente interessa. Por exemplo, se seu objetivo é correr 10 quilômetros por dia mas já sente dores no joelho com 3km, talvez seja o caso de se perguntar se o seu objetivo é realmente “correr” ou  desfrutar de um estilo de vida mais saudável. Esse tipo de flexibilidade irá te permitir saber o que você realmente quer — e até te salvar de fazer uma cirurgia, né?

Em vez de correr, tente o “dibre”

Embora a ideia de correr em direção a seus objetivos a uma velocidade vertiginosa seja sedutora, existem obstáculos inesperados que, inevitavelmente, vão complicar sua vida.

“O caminho para o sucesso nunca é uma linha reta”, escreve Rich Christiansen em O Princípio Zig Zag.

“Por outro lado – e sem exceção –cada vez que eu tinha ido diretamente a um alvo em alta velocidade, eu não tinha conseguido”, afirma Rich.

Ziguezaguear, como propõe o livro, requer um certo nível de flexibilidade mental, mas vai te fazer identificar muitas oportunidades, além das vantagens naturais da tática.

O “dibre”, famoso na internet pelos memes com Ronaldinho Gaúcho, são perfeitos para trazer o zig-zag de Rich para nossa realidade; as vezes é mais fácil dar um “elástico” no problema e ir em direção a um objetivo diferente, de curto prazo, para atingir a meta do que tentar passar por ele como um trator, sem olhar as consequências.

Pode não ser o caminho mais reto, mas sendo adaptável é o caminho mais claro para o sucesso.

Alguns dos empresários mais bem sucedidos alcançaram o seu sucesso em parte por praticar essas maneiras de ajustar os objetivos, vamos tentar juntos?.

Ao quebrar objetivos de longo prazo em tarefas diárias menores, avaliá-los regularmente e ser adaptável permitirá a você desfrutar dos benefícios de seus esforços.

Com base no que você leu agora, repito a pergunta do começo deste artigo: Onde você planeja estar daqui a 5 anos?

Deixe sua resposta nos comentários.

Até a próxima!

 

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *