Por trás dos seus artistas favoritos existe outro mundo: o do marketing musical. Atualmente a música é uma ferramenta de formação e consolidação de uma marca corporativa!

Você costuma assistir a shows dos seus artistas favoritos? Costumar pirar com os solos de guitarra que tocam a alma? Com aquela batida que te faz viajar na onda das notas musicais?

Noel Gallagher – Oasis

Vamos começar uma jornada com as estratégias de marketing musical para a sua banda!

A primeira estratégia é: Marketing Digital!

Uma verdadeira revolução digital criou novas tendências, padrões, influenciou comportamentos e a maneira de consumir música, como por exemplo, a chegada do streaming. Os artistas que se adaptaram às mudanças recorreram à gravadoras independentes, divulgando seus trabalhar em redes sociais.

Os artistas se tornaram mais acessíveis com a internet e redes sociais. O marketing musical é uma interação que cria essa relação artista/fã, e para isso, o artista precisa de inúmeras estratégias, apps e ferramentas.

Coisas que você precisa definir antes de desenvolver as suas estratégias:

  • Promover: você pode contar com a colaboração dos fãs para promover suas músicas através das redes sociais
  • Comercializar: sua música pode ser vendida diretamente para o público (venda de cds em shows, por exemplo)
  • Conhecer o público: coletar informações e dados do seu público para então desenvolver as estratégias de marketing para atingir o público

A verdadeira importância do marketing digital para a música

Slash – November Rain

Segundo uma pesquisa da Social Bakers , ferramenta de monitoramento das redes sociais, a fotografia representa uma taxa de 75% de engajamento nas redes sociais. Esses dados são resultado de uma análise de uma grande coleção de posts na rede social com mais de 30 mil marcas com o objetivo de descobrir qual post gera o melhor engajamento. Dentre as utilidades da fotografia estão: divulgar informações oficiais, lançamentos, promoções e ensaios de uma banda.

hã? epa

Vale a pena ressaltar que uma foto compartilhada tem um raio de alcance do público muito maior que uma curtida ou comentário!

Imagine como bandas com anos de estrada, como Red Hot Chili Peppers, Radiohead e Foo Fighters tiveram que se adaptar ao formato da propagação virtual!

Ferramentas de Web Marketing que você deve usar para marcar presença online

  •   Site/Blog;
  •   Plataformas CSM como o WordPress ajudarão no processo de desenvolvimento do site, o site será o balizador de outras plataformas como redes sociais e canais de vídeos;
  •   O seu site poderá oferecer um espaço para o público e contratantes (fotos, kit de mídia, agenda de shows, contato e o histórico da banda);
  •   Oferecer a opção de se inscrever em um newsletter;
  •   Desenvolver e administrar uma loja online para a venda de produtos oficiais da banda

Ah! O Facebook continua sendo uma boa plataforma de divulgação e campanhas B2C (Business To Consumer). Cerca de 80% dos artistas utilizam a rede para divulgar suas músicas! Bem como o Twitter, com caracteres que são suficientes para deixar uma mensagem sobre um evento, show ou ensaio aberto para o público!

Atualmente existem agências de marketing digital especializadas no segmento musical. São responsáveis por gerenciar todas as publicações e conteúdo, e por isso é importante separar um investimento inicial!

That’s fuckin rock n roll

Conteúdos que podem ser produzidos e divulgados

  • Fotos: momentos marcantes dos shows, ensaios, bastidores, mostrar a banda em ação;
  • Entrevistas: servem para a interação dos artistas com a imprensa, aumentar o hype sobre futuros álbuns, novidades, etc;
  • Ensaios: podem ser gravados, para divulgar em redes sociais, fazendo com que os fãs sintam-se mais próximos da banda.

Viu como o Marketing Musical não é nenhum bicho de sete cabeças? Se você deseja construir sua carreira solo ou ter sua própria banda, conta pra gente a sua história na vida musical, e qualquer dúvida é só deixar um comentário!

Até a próxima estratégia!

Facebook Comments